quarta-feira, 23 de novembro de 2011

Um Sonho Azul

Venha e me diga que a Lua ficou mais bonita.
Pois essa noite eu sonhei com os meus tempos de menino.
Eu vi a garota bonita de cabelos amarelos me olhando naquela tarde sem nuvens.
As ciências não são exatas ao nosso Coração.
Não me importam os cérebros imaculados de Eistein.
Quando eu fico com a minha garota de cordas de aço, seu gemido distorçido me leva
até o alto para dançar com as estrelas.
E então os ventos do Norte me sopram as lembranças de um futuro distante
no qual estarei de braços abertos esperando por uma sombra do teu sorriso.
Venha, mas venha antes que eu acorde.

(Edu Neves)

2 comentários: