sexta-feira, 2 de setembro de 2016

Shaman

Grande Sábio que me entrega sua fortuna
Líder do Rio Místico que enxerga no escuro
Ajude-me a depositar minha ruína na urna
Como um lobo cinza, astuto

Grande Sacerdote em transe
Possuis visões e cura sua tribo
Entoando os cânticos de antes
Dando abrigo à quem corre perigo

Senhor da Floresta, salve-me
Me liberte das aflições urbanas
Conte-me sobre a águia que voa longe
Com suas asas e garras humanas

Senhor dos Tambores que ecoam
Livra-nos das prisões metafísicas
Abrem as portas do verde vale
Sem bilhetes para atrações turísticas

(Edu Neves)



Nenhum comentário:

Postar um comentário